O senhor Albert Jaeger, representante do FMI (Fundo Monetário Internacional), está a residir em Lisboa desde Outubro do ano passado. Segundo o jornal ‘i’, numa viagem com turistas ao Castelo de São Jorge, o austríaco foi assaltado no eléctrico 28.

Os eléctricos 15 e 28 são os pontos preferidos pelos carteiristas para atacar os turistas.

 

Será que é caso para dizer: Ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão? heheh 😀